Dor de cabeça tensional

Ao contrário de que muitos pensam, esse tipo de dor de cabeça não tem relação direta com a tensão emocional mas sim com a tensão ou contração exagerada, anormal e mantida de grupos musculares dos ombros, pescoço, couro cabeludo e até face. É o tipo de dor de cabeça mais comum que existe mas por não ser tão intensa e incapacitante, faz com que seus portadores, mesmo crônicos, não procurem tanto a ajuda médica como por exemplo fazem os sofredores de enxaqueca. Há estudos que sugerem que estas dores, quando em caráter crônico, são decorrentes de anomalias bioquímicas de áreas do cérebro envolvendo o sistema analgésico do próprio cérebro. Esse sistema produz endorfinas e é inervado por neurônios que utilizam a serotonina como neurotransmissor químico. A deficiência de serotonina levaria a hipofunção desse sistema analgésico e o paciente apresentaria esta dor de cabeça.

Existem basicamente dois tipos de dor de cabeça do tipo tensional : as episódicas e as crônicas.

As dores de cabeça do tipo tensional episódicas são extremamente comuns, moderadas e geralmente não incapacitando o paciente. Porém, assume caracter problemático e incômodo quando passam a ocorrer mais de 15 dias por mês, configurando o caráter crônico. 

As dores de cabeça do tipo tensional episódicas acometem 87% da população geral, segundo estudo feito na Dinamarca. Há estudos epidemiológicos que atestam a prevalência dessas dores de cabeça em 84% das mulheres e em 67% dos homens.

A dor de cabeça do tipo tensional crônica por sua vez é muito menos comum, acometendo 3% da população adulta.

 

 Como reconhecer a dor de cabeça do tipo tensional?  

 

A dor de cabeça do tipo tensional geralmente se caracteriza da seguinte forma:

  • Em peso ou pressão ou aperto, muitas vezes simulando uma faixa ou capacete apertado em volta da cabeça;
  • Habitualmente localizadas na fronte e/ou na nuca e topo da cabeça; De intensidade leve a moderada ou moderada não impedindo as atividades rotineiras diárias;
  • Não raro essa dor melhora com atividade física ou relaxamento;
  • Normalmente não há sintomas associados e alguns pacientes podem se queixar de intolerância, durante a dor, a ruídos mais intensos (fonofobia);
  • A dor pode durar de horas a até 7 dias;
  • Freqüência pode variar muito com pacientes apresentando dor menos de uma vez por mês enquanto outros mais de 15 dias em cada 30 (forma crônica). 

Cefaléia do Tipo Tensional Episódica

Cefaléia do Tipo Tensional Crônica

Incidência na População

87%

3%

Frequência

variável

mais de 15 dias por mês por mais de 6 meses

Características

dor em peso ou pressão – nunca pulsátil

dor em peso ou pressão – nunca pulsátil

Localização

bilateral, frontal, nuca e topo da cabeça

bilateral, frontal, nuca e topo da cabeça

Intensidade

Leve a moderada

Leve a moderada

Sintomas Associados

pode ocorrer fobia à ruidos

pode ocorrer não mais do que um dos seguintes sintomas: náuseas, fobia à luz ou ruídos.

Duração da Dor

de 30 minutos a 7 dias

de 30 minutos a 7 dias

Tratamento

O tratamento deve ser individualizado e varia entre a forma episódica ou crônica.

Dor de cabeça do tipo tensional episódica  

 Durante as crises, DESDE QUE NUNCA MAIS DE DUAS VEZES PO SEMANA , podem ser usados analgésicos associados ou não à cafeína e há controvérsias quanto ao uso de relaxantes musculares. A cafeína além de aumentar a velocidade de absorção do analgésico, também funciona como analgésico de ação central (no próprio cérebro). 

Dor de cabeça do tipo tensional crônica   Para o tratamento da dor de cabeça do tipo tensional crônica devem ser utilizados medicamentos preventivos em caráter diário e regular. Estes medicamentos, como os antidepressivos tricíclicos, podem aumentar o nível de serotonina no cérebro e melhorar a função do sistema analgésico do próprio cérebro, que está deficiente. As doses devem ser iniciadas de forma gradual e se o paciente apresenta melhora superior a 80% após 4 meses, o tratamento pode ser diminuído progressivamente até sua suspensão.

O tratamento das crises pode ser realizado com analgésicos ou com aintinflamatórios não esteroidais. Antinflamatórios mais recentes como o clonixinato de lisina, o ácido tolfenâmico e os novos membros da classe denominada de inibidores seletivos de uma enzima chamada ciclo-oxigenage 2 (COX2) são opções mais eficazes e bem toleradas.

Tratamentos não medicamentosos para a dor de cabeça do tipo tensional também são preconizados. Abordagens fisioterápicas, como acessórias ao tratamento medicamentoso, visando alongar e relaxar os músculos do segmento cefálico (fronte, cabeça, pescoço e face) são úteis desde que indicadas por médico atualizado. Não se justificam manobras de tração manual e mecânica para esses pacientes que podem até apresentar piora do quadro.

A técnica de biofeedback, conhecida como uma técnica de condicionamento operante onde o paciente aprende com a ajuda do equipamento, a exercer controle sobre o grau de contração muscular dos músculos do segmento cefálico, tem se revelado extremamente útil para os pacientes com dor de cabeça crônica.

É fundamental que os portadores dessa e de qualquer dor de cabeça crônica não utilizem analgésicos mais de duas vezes por semana sob pena de transformarem a sua dor em diária ao longo do tempo.

NÃO SE ESQUEÇA: toda dor de cabeça tem uma causa! Só um médico pode avaliá-a corretamente.



Aprenda a Importar Roupas de Marca com até 80% de desconto

Vídeo Secreto Mostra Que Ao Comprar Roupas De Marca Nos EUA Você Paga Até 3x Mais Barato Do Que Aqui No Brasil.

Aprenda Como Importar Roupas e pagar um valor médio de R$ 40,00 em peças originais da Tommy Hilfiger, Lacoste, Hollister, Abercrombie, Ralph Lauren, Ed Hardy, Armani, Hugo Boss, e muito mais, além de descobrir como revender esses produtos tendo uma margem de lucro superior a 300% em cada peça. O autor do curso indica ainda que este método foi testado e aprovado, e que em caso de insatisfação, terá seu dinheiro de volta.

Clique aqui e veja o vídeo

11 thoughts on “Dor de cabeça tensional

  1. Olá adorei o artigo, sofro deste tipo de cefaleia tensional crônica, gostaria de acrescentar que meu neurocirurgião me receitou um antidepressivo, anti-inflamatório e muita atividade física que me desse prazer, além de evitar a situações frustante e de extremo stress…

  2. é o que eu vou fazer amigo….procura um medico urgente.
    vou salvar esse artigo e depois volto comentar o que eu tinha…a uns dias atrás venho sentindo uma dor de cabeça mas por dentro parece que no cranio quando eu balanço a cabeça é que sinto, não me incomoda. E hoje  eu pela manha balancei a cabeça e percebi que meu olho esquerdo doeu. isso começou a uns dias, tomara q não seja nada grave. tb andei sentindo enjoou e Tonturas. irei mais depressa no medico, pessoas vão no medico tambem não espere guardando doenças em casa. estou ate achando que tenho problema de pressão pq a mãe tem e o pai e irmã

  3. Vânia, aqui em macapá tem o especialista chamado Alejandro cadena, da clínica INNEURO,( TEL. 96 32220294) que é neurocirurgião, nacionalmente conhecido. Ele é equatoriano e te recomendo, pois fiz o tratamento com ele. Muitas pessoas vem de outros Estados com o mesmo objetivo. O site é http://www.inneuroap.com.br. Espero ter contribuido. Grande abraço a todos e à todas.

  4. Ja a mais de 15 dias venho tendo dor de cabeça no topo e muito forte na testa acima dos olhos, e os analgesicos nao fazem nada mais. Foi de estrema ajuda a explicação, pois descobri que tenho cefaleia do tipo tensional cronica e procurei um psiquiatra para me ajudar e realmente antidepressivo resolvel. ( QUE MARAVILHA NAO SENTIR DOR DE CABEÇA, UFFAA)

  5. ola bom dia gostaria que me indicassem um centro especializado em cefaleias aqui no norte do pais pois moramos aqui em manaus e meu marido sofre intensamente de cefaleia tensional, e nada melhora….e nao aguento ve-lo e nunca procuramos um especialista em cefaleia( neuro) pois que eu saiba aqui nao tem, mas queria saber se ha algum nos estados proximos …obrigada

  6. Prezados amigos do CLIQUE SAÚDE,gostei muito deste artigo,mas,não resolveu o meu problema nem explicou o tipo de dor de cabeça que sinto.A dor de cabeça que sinto me dar quando estou fazendo sexo.Comumente,quando estou fazendo sexo,antes da ejaculação,as veias de minha cabeça começam a inflar e a dor é tão intensa que a ejaculação e a sensação do gozo,lógico,desaparecem,porque,fico imobilizado com essa dor.Esse problema já está me causando grandes transtornos.É tanto que já estou com medo de realizar uma das atividades que mais gosto de fazer,que é fazer sexo,com medo de uma ruptura nos vasos da cabeça.

    1. Prezados companheiros, possuo o mesmo problema do Luiz Guilherme e do Guilherme, a dor é tão intensa que parece que vou ter um avc, se os colegas tiverem alguma noticia fv entrar em contato, vou procurar um neurocirurgião, tendo novidades tb comunico c/ vcs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>